Gina Rodriguez Brasil » aparições

Gina Alexis Rodriguez é uma atriz americana de origem Porto-riquenha que tornou-se mais conhecida por seus papéis como Majo Tenorio no filme drama-musical Filly Brown e como Jane Villanueva na CW série de comédia-drama Jane the Virgin.

Saiba mais sobre gina rodriguez Clique aqui

Facebook Oficial

/HereIsGina

Twitter Oficial

@hereisgina

Instagram Oficial

@hereisgina
Siga Gina em suas redes sociais!
12
May
2017

No dia 1 de Maio, Gina compareceu ao SAG-AFTRA, onde ocorreu uma Q&A (perguntas e respostas) feito por Jarett Wieselman da BuzzFeed. Leia o breve resumo que foi feito do vídeo original de 44 minutos de entrevista. Infelizmente, levaria muito tempo para fazer uma descrição, até mesmo um resumo do vídeo inteiro. O resumo se estende aos primeiros 15 minutos.

O entrevistador faz uma breve apresentação, anuncia Gina, que é recebida com o público de pé e com várias palmas. Ela diz “ah não, parem”, fazendo movimentos de prostração para a plateia. A atriz agradece a presença de todos e a estrondosa salva de palmas. Ela usa uma saia e ao sentar brinca com todo mundo “deixe-me tampar minhas partes”.

1:10 – 4:12

Jarett pergunta: “Parece que você faz a série por 3 anos?”. A resposta que Gina lhes da é bem honesta. “Parece que eu faço por uns 15 anos. A vida toda. Porque sabe… nossa, isso é menor do que eu planejei [sobre a saia]”. Ela resume que batalhou tanto para estar aonde está, trabalhou em outras coisas que não lhe agradava tanto, e quando finalmente conseguiu um trabalho fixo como atriz, parece que isso é pra ser para sempre. Diz também que é muito trabalho e comenta uma vez que teve uma discussão com uma pessoa que disse “você trabalha no que ama então não é bem um trabalho”, e então Gina diz “ah não, você é preguiçoso. Eu não acredito nisso. Eu acredito que se você trabalha no que ama então você é bem sortudo, mas ainda assim você trabalha”. E então ela brinca (de novo!) com as pessoas da platéia que concordam. “Não é verdade? Eu amo esses ‘é verdade, prega mesmo, garota!’, mas é verdade. Eu trabalho 15 horas por dia, 5 dias na semana”. Mas é grata por isso. “Parece que estou na série há muito tempo, só que não quero que acabe. É como você amar seus filhos porém não quer que eles façam 18 anos, ao mesmo tempo quer para que eles saiam de casa logo”, Gina brinca na comparação. “Sou uma mãe terrível”.

4:13 – 7:43

Jarett diz: “Com tudo isso que você disse, essa é a primeira vez que interpretou um personagem por tanto tempo… nós temos uma pergunta da Vanessa e Rachel que estão na platéia”. Gina brinca com as meninas e lida com o problema da saia de uma maneira bem engraçada, novamente. Ele continua com a pergunta: “O que você faz como atriz pra deixar a personagem tão revigorante episódio após episódio durante esses 3 anos?”. Em um breve resumo ela diz que é bem sortuda, porque Jane é uma personagem que para e respira. Todos os episódios têm seus altos e baixos, mágica e realismo. E isso faz com que ela nunca caia em uma zona de conforto. Ela ama a Jane. Ela ama o jeito que a série é escrita porque nunca se sente entediada. A Jane é fantástica e cheia de energia, e isso tudo é graças à Jennie.

Gina diz que nunca imaginaria que poderia interpretar a Jane de antes e de agora. Jane era vibrante e cheia de amor para dar, e agora ela faz uma Jane que virou uma mulher, teve uma perda e acha que essa mágica não existe mais. Isso tudo faz com que Gina possa amadurecer junto com a série.

7:44 – 10:34

Jarett faz a terceira pergunta “Vamos falar disso. Quando Jennie disse que o avanço de 3 anos iria acontecer, o que te ajudou a preencher esse tempo vazio? Ou você se sentiu como você disse, porque você estava numa idade mais aproximada de Jane e você se identificou mais com ela”. Gina nega “não, porque Jane já passou por muita coisa que eu nunca passei”.

Ela completa dizendo que foi muito sortuda porque o episódio ela teve uma pausa de um mês para gravar entre o episódio da perda de Jane, e o episódio da volta do hiatos. Nesse tempo, seu namorado e Gina fizeram uma viagem a Tailândia para treinar, o que lhe deu a oportunidade para ficar de “luto” por Brett Dier como ator. Ele já havia terminado em novembro e o elenco voltou a filmar em janeiro. No processo de “luto”, Gina odiava no começo, mas ela decidiu que aquele mês era para ela mesma. Ela não sabia porque tinha ido, mas sabia que precisava daquilo para quando voltasse a filmar, tivesse uma energia diferente.

10:35 – 15:13

Jarett faz a pergunta: “Jane passou por tanta coisa. Ela perdeu a virgindade mas também perdeu o amor de sua vida. Sendo uma série de comédia, o que você precisou como atriz para interpretar esses momentos de medo e da perda do amor?”.

“Foi a temporada mais fácil e difícil. Eu realmente estava perdendo Brett, e ele era meu guia. Se vocês nos veem na TV como eu sinto a química que eu sentia com ele”, Gina explica, “eu soube que nós íamos perder ele no meio da [terceira] temporada, e antes de tudo isso, nossa história de amor já era a coisa mais linda e doce”.

Ela diz que o elenco com que trabalha é maravilhoso “Ivonne Coll, um sonho. Jaime Camil, disparado. Mãe [Andrea Navedo], meu Deus, amo minha mãe. Rafael [Justin Baldoni], quem não quer ter aquilo?”, Rodriguez leva a platéia a risadas. “Yael [Grobglas], fantástica. Mas Brett e eu… somos como fogos de artifício”. Justina Machado deu o conselho de aproveitar cada momento, e é o que ela vem fazendo. Mesmo sendo 15 horas de trabalho. Mesmo vendo seus parentes por pouco tempo. Nessas momentos difíceis, ela para e pensa o quanto é sortuda por ter essas pessoas incríveis, a tão bem escrita série e essa oportunidade. Por muito tempo ela vem lutando por isso e faz cada momento valer. “Eu pedi a Brett para gravar um vídeo em meu celular como Michael, mandando uma mensagem para Jane”, com isso Gina desabou. Ao gravar as cenas ela desabou em choros […].

43:58 – fim

O entrevistador agradece “bom Gina, com isso, muito obrigada por ter vindo”. E Gina responde agradecida “Obrigada. Muito obrigada a todos que vieram!”. A atriz é aplaudida de pé, novamente, pelo público no final do painel.

Confira as fotos do dia do evento em nossa galeria:

Inicio » Ensaios fotográficos • Photoshoots » 2017 »

 01.05 | PORTRAITS AT THE SAG-AFTRA FOUNDATION’S

675693494.jpg 675693420.jpg

Inicio » Aparições públicas & Eventos » 2017 » 01.05 | SAG-AFTRA FOUNDATION’S

675693384.jpg 675693398.jpg 675693434.jpg

11
May
2017

Várias visitas a universidades já foram feitas por Gina. A escolhida da vez foi a Universidade Estadual da Califórnia, Fresno. O evento ocorreu no dia 28 de abril com a presença da atriz, que deu uma palestra – que se pareceu mais uma conversa, bem dinâmica, como relatou uma fã – sobre vários assuntos importantes. Para saber mais, acompanhe abaixo a tradução do artigo feito pela estudante:

Atriz. Ativista. Feminista.

Gina Rodriguez estrela de Jane the Virgin, série de sucesso da rede televisiva CW. Ela usa sua fama para representar as pessoas de cores, culturas que não são representadas e luta pelos direitos das mulheres.

Rodriguez veio a Universidade Fresno State no dia 28 de abril para conversar com os estudantes sobre amor próprio, empatia e sua jornada como uma mulher Latina. “A vida é muito mais agradável quando você se ergue e espalha o amor”, Gina diz. “Amor próprio é o que irá turbinar seu ativismo”.

A conversa da atriz foi focada no mantra em que seu pai te ensinou: “Hoje vai ser um grande dia. Eu posso fazê-lo acontecer, e é isso que vou fazer”. Ela contou para o público sua história de como seu pai a fez repetir esta frase todos os dias quando era criança, e ela ainda continua a dizer, mesmo depois de 17 anos.

As palavras “Eu posso e vou” tem inspirado Gina a criar sua própria companhia, na qual será centrada em propriamente representar as mulheres latinas nas telas. Ela disse o quanto é importante assistir programas com um elenco latino. “Garotas como eu nunca foram principais em programas de TV. [Por causa disso] eu não acreditei que poderia ser bem sucedida”, e acrescentou: “Se você quer ver isso em você mesma, dê apoio próprio”.

Muitas jovens da audiência perguntaram a Gina sobre se tornar bem sucedida. Na maioria das vezes, sua resposta à elas foi sobre entender em como ser uma mulher e uma pessoa de cor é uma força – e não uma fraqueza. “Eu fui preenchida pela ideia da solução vs. problema”, ela contou. “Neste momento você pensa que é o problema, mas é ao contrário. Você é a solução. Você uma mulher forte e durona”.

Diversas vezes durante a palestra, Gina contou sobre lidar com a rejeição. “Positividade, solução e poder. Você possui tudo isso. É a sua caminhada, faça o que você gosta e no que você quer ser”.

Em uma breve entrevista com uma estudante, Rodriguez disse que mulheres jovens não deveriam ter medo da procura de emprego que vem após a graduação.

Confira o vídeo em inglês e logo em seguida a transcrição:

Entrevistadora: Gina, quero te perguntar, com a graduação vindo aí, qual conselho você daria aos estudantes que estão indo procurar trabalho pela primeira vez? Especialmente os estudantes latinos, as mulheres… pode ser bem desesperador.

Gina: Você passou pela escola, então acho que você pode ultrapassar os obstáculos. Eu diria que a coisa mais animadora sobre sair da escola e ir para a vida adulta, é que você, na verdade, começa a construir a vida que você deseja. Isso pode ser um pouco intimidador, mas a escola também é, e você conseguiu passar por ela. E pra ser honesta, o mundo real é muito mais divertido. Saia e comece a fazer os seus sonhos se tornarem reais. É isso que eu diria.

Entrevistador: Como latina, quais conselhos você da a todos os latinos que estão motivados a encontrar um bom trabalho?

Gina: Oh, uau. O que eu diria aos latinos como motivação para encontrarem um bom trabalho? Eu diria… você definitivamente está recebendo educação e estamos falando de latinos que estão se auto educando, certo? Minha motivação seria essa: é a sua vida! Comece a guiar-la no caminho em que você quer que ela caminhe. E também, eu acho que você não precisa de outra motivação que não seja sobre você criar sua própria jornada. E uma história que, lá mais pra frente, você contará aos seus filhos. Não acho que há algo mais motivador do que isso.

Via: The Collegian

25
April
2017

A protagonista de Jane the Virgin foi convidada, pela terceira vez, à ir ao programa da Ellen DeGeneres. Gina Rodriguez contou à apresentadora sobre seu novo namoro, sua recente viagem à Tailândia e sobre sua paixão por luta. O programa foi ao ar na última sexta-feira (21/04) na TV americana e o GRBR transcreveu a tradução para vocês! Confira o vídeo, e a transcrição logo abaixo:

Ellen: Bom te ver.
Gina: Bom te ver.
E: Não tenho visto você há um tempo, e geralmente a gente conversa sobre você estar solteira, e agora não estamos mais falando sobre isso.
G: Estou tão feliz que esse não é o caso.
E: Agora você tem um namorado.
G: Eu tenho, e ele é incrível. Ele é o cara mais legal que já conheci.
E: Qual o nome dele?
G: Joe Locicero, ele é bem italiano.
E: Isso foi na Tailândia, certo?
G: Certo, foi na Tailândia.
E: Eu ouvi dizer que você foi à Tailândia e parece ser lá, porque acho que não temos barcos como esses aqui.
G: Não vemos com muita frequência.
E: Uau, vocês pegaram um elefante. Isso é incrível.
G: Pegamos, na verdade eu dei a luz ao elefante. É o meu bebê.
E: Uau. Espera um pouquinho, tinham macacos.
G: Sim, e tivemos um momento fantástico.
E: O macaco está usando um chapéu? O que é isso?
G: Eu acho que é tipo uma quipá [chapéu usado pelos judeus].
E: O que é isso? É o cabelo dele?
G: Foi esse carinha que me mordeu.
E: Não!
G: Foi. Fui mordida por um macaco.
E: Arrancou a sua pele?
G: Arrancou, foi terrível. A loucura disso é que foi a experiência mais mágica da minha vida. Eu fui e levei amendoins. Foi uma hora de passeio. Haviam macacos subindo por todo o meu corpo. Me senti como se eu fosse a Pocahontas, como uma personagem da Disney.
Eu estava cantando, não muito bem, e os macacos se penduravam em mim…
Olha esse rapazinho. Esse filho da-
Foi a experiência mais mágica e tinha um amendoim sobrando. Então eu disse “Ei Doug, tira uma foto? Pode tirar uma foto disso?”, e o Doug disse “Nós temos um monte de fotos, mas claro, eu tiro mais”. E eu estava perto do macaco e lhe dei o amendoim. O macaco olhou pra mim e [IMITANDO O MACAQUINHO], e eu achei que foi bem estranho. Quando eu virei de costas, ele foi e [IMITANDO O MACAQUINHO DE NOVO] travou nas minhas costas. E eu fiquei [OH]. Ele acabou de me morder.
Todo mundo ficou “não, isso é loucura”. Se eu disse que ele me mordeu, é porque ele me mordeu.
E aí começou a sangrar. Tive que correr para o hospital da Tailândia.
E: Sim, porque você não quer ser mordida por um macaco na Tailândia.
G: Aparentemente não.
E: Porque eles transmitem doenças.
G: Não podemos mais falar disso.
E: Ok, tudo bem. Não vou mais… mas quero dizer…
G: Isso me assusta.
E: Eu amo macacos mas seria assustador se isso acontecesse.
G: Seria mesmo. Foram 8 mordidas de raiva.
E: Nossa! Mas você está bem, nada aconteceu.
G: Eu acho que não, me sinto bem.
E: Há quanto tempo você voltou?
G: Faz 3 meses, então qualquer coisa pose acontecer.
E: Oh, tudo bem. Por que convidamos ela mesmo?
Nós nunca falamos disso. Quando você disse que estava treinando, eu pensei que você estava bebendo Mai Tais [um coquetel alcoólico], mas você estava treinando… o que mesmo?
G: Muay Thai.
E: O que é isso?
G: É basicamente você usar todos os seus membros, como os cotovelos, joelhos…
E: Você é treinada nisso?
G: Sim.
E: Por quanto tempo você vem treinando?
G: Venho treinando desde… nossa, essa é uma formação terrível ao falar nisso.
E: Você foi lá pra treinar?
G: Fui, e eu amo Muay Thai. Amo lutar. Luto Box desde que tinha 3 anos e eu queria aprender uma coisa nova.
E: Uau, e ouvi dizer que você realmente vai fazer uma luta?
G: Eu meio que quero.
E: Que tipo de luta? Igual na TV, onde nós vemos uma luta?
G: Não é como se fosse uma luta Canello vs. Chavez, mas eu quero ter uma luta amadora. Quero mesmo lutar. Quero ver como realmente é.
E: Bom, vou dizer para você como é: você vai ser chutada.
G: Ou se eu for boa, não vou.
E: Sim, eu sei, mas talvez você leve um chute. Quero dizer, que nem da vez que você foi alimentar o macaco e você foi… você sabe.
G: É, eu sei.
E: Eu luto com você agora para mostrar à você… você sabe o que.

INICIO » APARIÇÕES PÚBLICAS & EVENTOS » 2017 » 21.04 | THE ELLEN SHOW

tes.png tes1.png

07
January
2017

Sob o brilho dos flashes da câmera, Gina Rodriguez, a estrela do programa de televisão Jane the Virgin, entrou em um palco improvisado na frente de um bar em West Hollywood na noite de quarta-feira (04/01). “O que há, pessoal? É uma semana emocionante, né?” Rodriguez perguntou. Afinal, era a quarta-feira antes da cerimônia de premiação dos Globo de Ouro. Depois de um pouco de silêncio, ela brincou: “Não? Só eu?” E assim, a platéia com cerca de 100 pessoas riu, quebrando o gelo.

Rodriguez, vencedora do Globo de Ouro e nomeada em 2016, entrou no Doheny Room para ajudar o segundo a. Apoiado pela empresa de champanhe Moët & Chandon, a competição é projetada para apoiar uma nova geração de cineastas. Os participantes devem enviar um filme de 60 segundos para uma chance de ganhar $25.000 dólares e mentoria de insiders do setor. “Sempre tem sido uma jornada difícil para encontrar onde você pertence, onde seu espaço está nesta indústria louca”, disse Rodriguez à multidão. “Festivais de cinema como este que pode dar oportunidade, que pode dar um empurrão a sua arte e sua voz, e coloca você em uma posição para encontrar essa voz, é uma coisa linda, bonita.”

Com a temporada de prêmios em cima de nós, o evento foi uma pré-estréia do glamour de Hollywood que todos esperam nos próximos meses. Risos e o som de garrafas de rosé e champanhe estourando enchiam o ar. Bonito e completamente elegante e por uma presença da celebridade, os participantes misturaram-se com os anfitriões na iluminação baixa do bar de dois andares.

Um tapete vermelho e um pano de fundo em miniatura foram lançados, onde os notáveis ​​pararam para uma foto rápida no caminho para a festa.

“Eu acho que o que é bonito sobre Hollywood é… podemos usar nossa arte para começar a influenciar a tolerância, o amor e aceitação. E é isso que a arte faz”, disse Rodriguez ao The Times. “Começamos a usar a arte como uma ferramenta para construir essas pontes quebradas entre o medo, e acho que é realmente emocionante fazer parte de uma onda de artistas que podem ajudar a consertar”.

 

Clique nas miniaturas abaixo para conferir as fotos de de Gina no festival:

INICIO » APARIÇÕES PÚBLICAS & EVENTOS » 2017 » 04.01 | MOET & CHANDON CELEBRATES THE 2ND ANNUAL MOET MOMENT FILM FESTIVAL (SHOW)

9~3.jpg 8~3.jpg 6~7.jpg12~2.jpg

INICIO » APARIÇÕES PÚBLICAS & EVENTOS » 2017 » 04.01 | MOET & CHANDON CELEBRATES THE 2ND ANNUAL MOET MOMENT FILM FESTIVAL

11.JPG 15~2.jpg 17~0.jpg 13.JPG

INICIO » FOTOS DE PAPARAZZI • CANDIDS » 2017 » 04.01 | ARRIVING TO A PRE GOLDEN GLOBE PARTY IN LA

005~1.JPG 002~2.JPG 001~2.JPG 012~93.jpg

Via: LA Times

09
February
2016

No dia 20/01 Gina compareceu ao grande show de abertura da turnê ‘All I Have’ de Jennifer Lopez. Todas as fotos da Gina no Red Carpet e na After Party foram adicionadas a nossa galeria. Confira as fotos clicando nas miniaturas abaixo:

02  013  005  010

APPEARANCES & EVENTS > 2016 20.01 | ‘JENNIFER LOPEZ: ALL I HAVE’ GRAND OPENING

APPEARANCES & EVENTS > 2016  20.01 | ‘JENNIFER LOPEZ ALL I HAVE’ GRAND OPENING – AFTER PARTY

06
February
2016

Gina compareceu na noite desta sexta, 05/02, ao 47º NAACP Image Awards apresentado pela TV One, que aconteceu em Pasadena, na Califórnia. Confira as fotos clicando nas miniaturas abaixo:

004   007   Cah4dv1WcAASsk0   Cah4-QTW4AAUqDn

APPEARANCES & EVENTS > 201605.02 | 47TH NAACP IMAGE AWARDS – Show

APPEARANCES & EVENTS > 2016 > 05.02 | 47TH NAACP IMAGE AWARDS – BACKSTAGE CREATIONS CELEBRITY RETREAT 

APPEARANCES & EVENTS > 201605.02 | 47TH NAACP IMAGE AWARDS – BACKSTAGE & AUDIENCE